A casa feita à mão

Tour

Clique para ampliar.

Deixando de lado os papeis de cartório,

foi lambendo essa casa de amor

dos tacos ao teto que fiz dela minha.

Antes de fechar o negócio,

a corretora me contou que o bebê dos então proprietários havia nascido aqui.

Nem todo mundo sabe,

mas o útero não é um órgão fixo dentro da cavidade pélvica. Ele só se mantém no lugar pela formação de ligamentos. Dentro das paredes dessa casa, eu criei

colagens, pinturas, poemas, móveis. Antes,

quando os formulários me perguntavam a profissão, eu preenchia com diplomas acadêmicos:

advogada; socióloga; publicitária. Hoje,

eu prefiro a pintura que fiz na lata de lixo que a higiene calculada de um currículo lattes.

10x15_borboleta.png

Visitante durante as obras.

Ambientes

Detalhes

Visitantes

Agradecimentos

Artes de Aline Paz

Obrigada à amiga Aline Paz pelo apoio constante e pelas peças de arte. Fosse pra traduzir em palavras, diria que tudo que ela faz vem com o frescor e a leveza das águas de um riacho. Dessas que lavam os pés enquanto brincam de fazer coceguinhas entre os dedos.

Obrigada à amiga Ludivine que 

aos poucos foi deixando um presente 

em cada cômodo e hoje

(mesmo a um continente de distância)

faz parte do dia a dia da

minha casinha (que sempre quiser

é também um pouco dela).

Peças da artista Aline Paz.

Minha rotina

*Exceto pelas peças da Aline Paz (à esquerda), todas as artes destacadas em fotos aqui foram produzidas por mim.